Mês: Março 2019

Workshop de Cola Quente – Sala do Coreto

O Centro Comunitário Cais do Sal, em conjunto com a Cercima, promove um Workshop intitulado “Cais Art – Workshop: Cola Quente”, no dia 1 de Abril, das 14h30 às 17h00 na Sala do Coreto, no Samouco.

O Workshop é gratuito, mediante inscrição através do 21 234 03 80 ou através do e-mail caisdosal@cercima.pt.

Junta de Freguesia substitui escorrega na Escola Básica

Desde 11 de Março que o espaço de recreio da Escola Básica do Samouco tem um novo escorrega.

Atenta à necessidade de substituição do anterior, a Junta de Freguesia investiu num novo escorrega que passa a estar à disposição das crianças com toda a segurança, proporcionando-lhes melhores condições de diversão.

Este é mais um investimento realizado num espaço que, desde o ano de 2014, tem sofrido transformações profundas através da iniciativa da Junta de Freguesia.

Estiveram no Samouco cerca de 60 automóveis antigos

No passado dia 16 de Março o Samouco teve um final de manhã diferente, com o já habitual Passeio Ribeirinho da CAACA a passar pela nossa vila.

A população teve a oportunidade de assistir a uma exposição de 60 magníficos automóveis antigos que integraram o 24º Passeio Ribeirinho do CAACA e deliciaram todos os presentes, que tiveram a possibilidade de ver de perto algumas relíquias.

Para Pedro Ferreira, Presidente da Junta de Freguesia do Samouco “foi um prazer enorme colaborar com a organização e acolher, mais uma vez, este evento“, como teve oportunidade de referir na recepção aos participantes, agradecendo a “continuidade da preferência pelo Samouco“.

O Presidente do CAACA, Marco Paiva, agradeceu a pronta disponibilidade da Junta de Freguesia, destacando a forma como, ano após ano, o Samouco recebe este evento, deixando a promessa de “voltar no próximo ano.”

Os participantes do Passeio Ribeirinho foram agraciados com o Bolo de Soda, a oferta já tradicional da Junta de Freguesia.

Confira aqui a galeria de fotografias.

A Hora do Conto na Biblioteca conta a história de “O Cuquedo e um amor que mete medo”

A Hora do Conto é uma iniciativa da Biblioteca da Junta de Freguesia destinada às escolas da freguesia.

A Hora do Conto debruça-se agora sobre o “O Cuquedo e um amor que mete medo”, uma nova história da dupla Clara Cunha e Paulo Galindro, autores do sucesso, “O Cuquedo”, e que prometem continuar a divertir os mais pequenos.

Uma pequena sinopse:
Tudo acontece no meio da selva, andam todos apaixonados e o Cuquedo decide também encontrar uma namorada. Mas, quem quiser ser namorada dele, terá de saber assustar.

O jardim de Infância e a escola do 1º ciclo já estão inscritos nesta Hora do Conto.


Samouco recebe 24º Passeio Ribeirinho do Clube de Automóveis Antigos da Costa Azul

No próximo sábado, 16 de Março, a vila do Samouco receberá mais uma edição do Passeio Ribeirinho organizado pelo CAACA, ao qual a Junta de Freguesia se associa, cumprindo assim a tradição a que a CAACA nos vem habituando.

Entre as 11.30H e as 12.30H, a Praça da Liberdade acolherá cerca de 60 automóveis de outros tempos, que irão proporcionar momentos de rara beleza e animação, que não vai querer perder.

De acordo com a organização, o passeio terá a sua partida no Parque das Nações, em Lisboa, e terá uma “paragem para beberete na Junta de Freguesia de Samouco onde nos espera o famoso Bolo de Soda e o Moscatel de Setúbal”, como refere a organização.

A Junta de Freguesia agradece à organização por, uma vez mais, escolher o Samouco como paragem obrigatória do programa do seu passeio.

“Uma mulher deve ser feliz, independente, forte, poderosa, corajosa, ter voz activa e, sobretudo, deve ser livre nos seus comportamentos e nos seus pensamentos”

Foi com um Salão Nobre cheio que se celebrou, com a dignidade que merece, esta data de extrema relevância para as mulheres.

Esta é uma celebração que o executivo da Junta de Freguesia do Samouco faz questão de continuar a realizar, uma vez que a luta das mulheres pela necessária mudança das suas vidas, exigindo o direito ao trabalho com direitos, a valorização do seu estatuto sócio-profissional e progressão na profissão, o direito a ter tempo para trabalhar e para descansar, tempo para a família e filhos, tempo para participar na vida social, política, cultural e desportiva, parece não ter fim.

Uma luta que se vem agudizando com os sucessivos casos de violência doméstica, facto este que foi manifestado pelo Presidente da Junta de Freguesia, que aproveitou a ocasião para “manifestar a solidariedade da vila de Samouco para com as mulheres e familiares vítimas de violência doméstica”, referindo ainda que “mais do que meros actos simbólicos de homenagem promovidos pelo Governo, o que se impõe é a assumpção de responsabilidades e a apresentação de respostas eficazes que garantam às vítimas a protecção e o apoio que lhes são devidos”,  entendendo “que a melhor homenagem que se pode fazer às vítimas e suas famílias é reforçar a intervenção para prevenir, combater e erradicar este flagelo social e contribuir para evitar trágicos desfechos.”

Concluiu o Presidente da Junta de Freguesia do Samouco que “as mulheres não são frágeis, não são carentes, não são inferiores aos homens, não são incapazes, não são indecentes, não são diabólicas, não são subservientes, não são meras donas de casa, não são medrosas, nem infelizes”, “que uma mulher, deveria ser feliz, independente, forte, poderosa, corajosa, ter voz activa e, sobretudo, deveria ser livre nos seus comportamentos e nos seus pensamentos” e que “a liberdade deve ser um objectivo que tem que estar ao alcance de todos.”

A sessão contou também com as intervenções do Presidente da Câmara Municipal de Alcochete, Fernando Pinto, e de Mónica Leitão, do Conselho Nacional do Movimento Democrático de Mulheres, tendo ambos referido a importância da celebração deste dia.

Após uma oferta simbólica a todas as mulheres seguiu-se um momento musical por “Bibe”, que animou todos os presentes que puderam ainda degustar o tradicional Bolo de Soda do Samouco.

Junta de Freguesia oferece flores no Dia Internacional da Mulher

No dia em que se celebra os feitos e a luta das mulheres por mais e melhores direitos e oportunidades, pela sua dignidade e pela igualdade, o executivo da Junta de Freguesia percorreu as ruas do Samouco distribuindo flores às mulheres, num momento de grande simbolismo.

Esta foi a forma de iniciar as comemorações desta importante data, que terá a sua sessão solene no dia 10 de Março, pelas 15h30, no Salão Nobre da Junta de Freguesia, com discursos, apontamento musical e uma oferta simbólica a todas as mulheres presentes.

Continuamos ao lado desta luta.
Um agradecimento, por parte do executivo da Junta de Freguesia, a todas as mulheres que, devido à sua luta e coragem, fizeram e fazem do mundo um lugar melhor para se viver.

Junta de Freguesia do Samouco comemora Dia Internacional da Mulher

No próximo dia 10 de Março, o Salão Nobre da Junta de Freguesia do Samouco será palco das Comemorações do Dia Internacional da Mulher, comemorado globalmente a dia 8 do presente mês.

Numa organização da Junta de Freguesia, este será um momento que pretende saudar todas as mulheres e a sua luta pela necessária mudança do paradigma social, profissional e pessoal, exigindo o direito ao trabalho com direitos, a valorização do seu estatuto sócio-profissional e progressão nas carreiras, o direito a ter tempo para trabalhar e para descansar, tempo para a família e filhos, tempo para participar na vida social, política, cultural e desportiva.

Confiram no cartaz abaixo toda a programação para esta cerimónia.

Contamos com a sua presença!

Assim foi o Carnaval pelas ruas do Samouco

Foi num clima de grande animação e folia que, mais uma vez, as ruas do Samouco se transformaram num verdadeiro desfile de Carnaval, com a participação das crianças do Jardim de Infância, da Escola Básica e do CENSA.
Esta foi mais uma iniciativa organizada pela Junta de Freguesia e pelo Agrupamento de Escolas de Alcochete que levou a diversão a todos que participaram e que puderam assistir.
Um agradecimento a todas as Professoras, Educadoras, Pessoal Auxiliar dos estabelecimentos de ensino e do CENSA, aos pais e familiares das crianças, à Sociedade Filarmónica Progresso e Labor Samouquense, pela cedência das suas magníficas instalações, ao Sérgio Lobo, pela disponibilidade em, uma vez mais, fazer a animação musical.
Um agradecimento enorme a todas as crianças que desfilaram, pela animação, pelos trajes, pela cor e pela alegria.

Confira abaixo a galeria de fotografias!

Para o ano haverá mais Carnaval!