Mês: Setembro 2019

Luso e Buçaco acolheram passeio dos reformados, pensionistas e idosos da Freguesia do Samouco

Foi num ambiente de alegria, diversão e vontade de passear e conhecer outros lugares que se realizou, no passado dia 21 de Setembro, o tradicional Passeio dos Reformados, Pensionistas e Idosos da freguesia do Samouco, desta vez por terras do Luso e Buçaco.

Apesar de o tempo nem sempre ter colaborado, os cerca de 140 viajantes puderam desfrutar de paisagens com uma beleza única e, ao mesmo tempo, admirar edifícios de uma arquitectura ímpar, por terras da Bairrada.

Esta foi mais uma iniciativa que a Junta de Freguesia concretizou e que vai ao encontro do programa eleitoral sufragado pela população.

Aqui fica a galeria de fotografias.

As fotografias foram tiradas e cedidas pelo Jorge Rezendo.

Inauguração da exposição – Escola do Samouco 70 Anos “O que fomos e o que somos” foi um êxito

Foi com “casa cheia” que, no passado dia 10 de Setembro, a Escola Básica do Samouco foi palco da inauguração de uma exposição alusiva aos seus 70 anos. Sete décadas de histórias e aprendizagens, retratados de forma a fazer recordar todos aqueles que um dia passaram pela Escola Primária.

Para o Presidente da Junta de Freguesia, Pedro Ferreira, esta “é uma exposição que muito marca a vida da nossa freguesia”, sendo “um orgulho enorme estar a reviver os 70 anos de um espaço de eleição da vila do Samouco”.

Considerou que ainda que “as escolas são espaços de eleição pois são instituições imprescindíveis para o desenvolvimento e para o bem estar das pessoas, das organizações e das sociedades democráticas baseadas na cultura integral das crianças, apontando para o desenvolvimento crescente das suas qualidades do ponto de vista físico, intelectual, moral e artístico, capaz de as preparar para uma intervenção activa e consciente na sociedade, transformando-as em agentes da mudança no sentido de uma sociedade mais justa, avançada, mais igualitária e solidária.”

Através do incremento do bom relacionamento com a comunidade educativa, esta exposição vai ao encontro dos objectivos e projectos propostos para o presente mandato. Nela é possível encontrar os muitos projectos que se desenvolveram e que contribuíram para a formação integral das crianças que a habitaram, promovendo a sua consciência ambiental, a adopção de hábitos saudáveis e de preservação das suas tradições culturais, projectos que, em grande parte, contaram com o apoio da Junta de Freguesia que, também neste âmbito, sempre manteve uma proximidade à escola.

Através da fotografia e de diversos objectos utilizados no passado, procurou-se traduzir as vivências, alegrias, trabalhos, brincadeiras e obras que melhoraram este espaço, e que permitiram às crianças terem melhores condições de ensino.

Em suma, uma exposição única, repleta de boas recordações que alegrou e emocionou todos quanto a visitaram.

O executivo da Junta de Freguesia não pode deixar de enaltecer e agradecer o excelente trabalho desenvolvido pelas professoras Isabel Cristina Fernandes e Fernanda Veríssimo, pela coordenadora, professoras e pessoal não docente da Escola Básica do Samouco. Agradecimento extensível também a todas e todos que, através da cedência de fotografias, outros materiais e informações, possibilitaram a concretização desta exposição e à empresa Imagens Vibrantes, pelo apoio na impressão dos painéis.

A todos os que visitaram a exposição, o nosso obrigado.

Junta de Freguesia reivindica mais e melhores cuidados de saúde

Devido à reiterada falta de pessoal médico e auxiliar que se verifica na Extensão do Centro de Saúde de Alcochete no Samouco, a Junta de Freguesia reivindicou, junto do Director Executivo do Agrupamento de Centros de Saúde Arco Ribeirinho, mais e melhores cuidados de saúde naquele unidade.

Entendemos que esta unidade de saúde tem capacidade para prestar um melhor atendimento e que a população da freguesia do Samouco não pode continuar privada de ter acesso a um serviço condigno e que dê resposta às suas necessidades.
Pensamos que é tempo das entidades responsáveis olharem para este problema de forma séria, dotando esta unidade de saúde dos meios humanos necessários, honrando assim a missão Garantir à população, da Região de Lisboa e Vale do Tejo, o acesso à prestação de cuidados de saúde, adequando os recursos disponíveis às necessidades e cumprir e fazer cumprir políticas e programas de saúde na sua área de intervenção” e a visão “Mais Saúde e Bem-estar para a Região de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo, atingindo os melhores indicadores de saúde do país” da ARSLVT, factos que não se têm verificado.
Porque se torna imperioso termos uma solução e dar uma resposta à nossa população, solicitámos a máxima urgência para a resolução deste problema tendo a Junta de Freguesia, no passado dia 16 de Agosto, requerido uma reunião ao Director do ACES – Arco Ribeirinho, a qual continuamos a aguardar a sua disponibilidade.

Exposição dos 70 anos da Escola Básica do Samouco

A grande maioria da população do Samouco tem boas recordações deste espaço. A Escola Básica tem acompanhado gerações de samouqueiros e mantém-se o símbolo da educação na nossa freguesia, 70 anos depois. Hoje são os nossos filhos e netos que aprendem neste espaço de excelência.

Em honra da nossa Escola Básica é tempo de recordar.

Por isso convidamos toda a população a estar presente na inauguração da Exposição Comemorativa dos 70 anos da Escola Básica do Samouco “O que fomos e o que somos!”, dia 10 de Setembro, pelas 17h30, no recinto da Escola, uma organização e produção do Agrupamento de Escolas de Alcochete e da Junta de Freguesia do Samouco, com objectos, fotografias e memórias que foram recolhidos das próprias pessoas que já frequentaram este estabelecimento de ensino.

Um regresso às memórias que deram vida a este importante espaço de educação, de formação, de promoção de consciência ambiental, de adopção de hábitos saudáveis, de preservação das tradições culturais e de desenvolvimento de projectos da nossa freguesia, que hoje serve de espaço de ensino das nossas gerações futuras.

Não falte. Esperamos por si!

AEROPORTO DO MONTIJO E ACESSIBILIDADES – Agência Portuguesa do Ambiente promove sessões de esclarecimento

No âmbito do procedimento de Avaliação de Impacto Ambiental do projecto do “Aeroporto do Montijo e respectivas acessibilidades”, a Agência Portuguesa do Ambiente promove sessões de esclarecimento com o objectivo de prestar informações e esclarecer dúvidas sobre o projecto em avaliação.
As sessões realizam-se nos seguintes dias:
– 5 de Setembro – Auditório do Fórum Cultural de Alcochete – 17.30H
– 9 de Setembro – Cinema Teatro Joaquim de Almeida (Montijo) – 17.30H
Considerando que este projecto, a concretizar-se, terá fortes impactos na Freguesia do Samouco, a Junta de Freguesia apela à participação nestas sessões de esclarecimento a todos os interessados.