Etiqueta: paróquia

Junta de Freguesia apoia Grupo Sócio Caritativo com bens alimentares

Tendo como objetivo dar resposta a uma necessidade premente por parte do Grupo Sócio Caritativo da Paróquia de São Brás de Samouco e atendendo ao agravamento dos problemas sociais e das condições das famílias, a Junta de Freguesia, com o apoio da Monte D’Alva – Alimentação, SA, forneceu 320 latas de salsichas que irão integrar o cabaz mensal das 46 famílias que atualmente recebem este importante contributo.

Consideramos que, com este “pequeno” gesto, continuamos a contribuir para minimizar o agravamento das situações de carência alimentar que, desde a pandemia da COVID-19, têm registado um aumento.

De destacar o importante trabalho desenvolvido, desde o ano 2011, pelos voluntários que integram Grupo Sócio-Caritativo da Paróquia de São Brás de Samouco, num elevado espírito de missão, responsabilidade e de uma dedicação que deve todos devemos reconhecer, ajuda de forma exponencial a população carenciada da nossa freguesia.

De forma diferente, Festas Populares tiveram um enorme significado para a população

Quando, no final do mês de maio, a Junta de Freguesia “desafiou” a Igreja Paroquial de São Brás e a Associação de Festas Populares do Samouco para assinalar as Festas em Honra de Nossa Senhora do Carmo, tínhamos a consciência plena que, apesar dos constrangimentos existentes, não poderíamos deixar “passar em claro” esta celebração de um significado ímpar para a nossa população.

Para a Junta de Freguesia, foi um grande orgulho a forma peremptória como as entidades parceiras acolheram de braços abertos o “desafio” colocado e entenderam a importância do mesmo.

Durante, cerca de um mês, colocámos “mãos-à-obra” e desenhámos, sempre em estreita colaboração, um pequeno programa que procurasse marcar, de forma muito digna, as nossas Festas.

Ao longo destes cinco dias, aqueles que continuamos a considerar os maiores da vida do Samouco, pudemos constatar um sentimento indescritível, visível nos rostos da nossa população, bem patente pela forma como aderiu às diferentes iniciativas que integraram o programa.

Sentimento indescritível, quando olhámos para a alegria daqueles que estiveram presentes aquando a iluminação da Igreja de São Brás.
Sentimento indescritível, quando constatámos a alegria, a emoção, o “arrepio no corpo” e a lágrima ao canto do olho daqueles que, de forma ordeira, nas varandas, janelas, portas, em todas as ruas e praças do Samouco, dançaram, pularam e aplaudiram o momento musical que preparámos para a noite de Sábado.
Sentimento indescritível, na forma empenhada das gentes que prepararam o momento religioso e naqueles que, apesar do intenso calor que se fez sentir, não deixaram de marcar presença na missa solene em Louvor de Nossa Senhora do Carmo, que encheu a nossa Praça da República na manhã de domingo.

Neste momento de balanço, não podemos deixar de agradecer:
– Aos elementos da Associação de Festas Populares do Samouco, pela forma como integraram esta parceria e na colaboração no momento religioso;

– À Igreja Paroquial de São Brás, na pessoa do nosso pároco Jorge Lages de Almeida, colaboradores dos grupos afectos à igreja, pela forma como integraram a parceria, como preparam e proporcionaram um momento religioso único;

– À Câmara Municipal de Alcochete, pela cedência de baias e pela emissão da licença especial de ruído para o momento musical e do edital de alteração do trânsito;

– À Câmara Municipal da Moita, pela cedência e montagem da estrutura de apoio ao momento religioso;

– A sua Excelência Reverendíssima, o Sr. Dom José Ornelas, Bispo de Setúbal e Presidente da Conferência Episcopal, pela forma imediata como aceitou o convite e presidiu ao momento religioso;

– À GNR, pelo acompanhamento dos momentos musical e religioso;

– À Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Alcochete, pelo acompanhamento do momento religioso;

– Ao músico Nélio Pinto, pela forma como percebeu o sentimento da nossa população e proporcionou um espectáculo inesquecível;

– À Road Show, pela qualidade do som dos momentos musical e religioso;

– À Inês Rosado, pelo voluntarismo, empenho, disponibilidade e forma incansável na cobertura integral das várias iniciativas que compuseram o programa;

– Aos trabalhadores da Junta de Freguesia, pelo empenho e forma como também sentiram este evento como seu;

– À população do Samouco, a nossa maior riqueza, pelo sentimento, adesão e comportamento manifestado nas diversas iniciativas.

A todos o nosso muito obrigado pela forma como contribuíram para um objectivo comum – elevar o nome do Samouco e das suas tradições.

Para o executivo da Junta de Freguesia do Samouco, foi uma satisfação enorme pensar e assinalar, ainda que de forma diferente, este que consideramos ser um marco na vida das nossas gentes e da nossa vila.

Neste momento de exaltação, dizemos “Que vivam as Festas do Samouco”! Até 2021.

Está a chegar mais uma Caminhada Solidária – Dia 9 de Novembro

Está a chegar a 6ª Caminhada Solidária da Paróquia de S. Brás do Samouco, no dia 9 de Novembro, pelas 15h00. Sob o lema “Seja solidário, alimente sorrisos caminhando“, esta iniciativa organizada pela Paróquia, que conta com o apoio da Junta de Freguesia do Samouco, da Câmara Municipal de Alcochete e de todas as colectividades e forças vivas da nossa vila, é uma força de ajudar quem mais precisa, uma vertente solidária que a Junta de Freguesia apoia desde a primeira edição.

A concentração é junto à igreja, pelas 15h00, e as condições de participação é doar um alimento, não perecível, para ser doado. No final da caminhada, haverá magusto.

Mais uma vez, é uma honra para nós voltarmos a acolher Albertina Dias, atleta olímpica, que amadrinha esta iniciativa.

Contamos com a participação de todos!